terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Ah! O amor!

Frio na barriga. Respiração lenta ou a falta dela. Mãos suando. Borboletas proliferando no estômago. Sorriso contente nos lábios. Lágrimas nos olhos. Nó na garganta. Aceleração no coração. Pernas bambas. Arrepios. Calafrios. Carinho. Compaixão. Respeito. Amizade. Fofura. Compreensão. Cumplicidade. Fidelidade. Sinceridade. Verdade. Paixão. Admiração. Alegria. Felicidade. Empolgação. Certezas. Entregas da alma. Um Eu Te Amo na mente. Tudo isso e mais um pouco do incrível e inexplicável Amor. Não esperava por ele tão cedo. Não buscava por ele nesse momento da vida. Sempre quis, sempre busquei, sempre esperei. Ele só deu o ar de sua graça quando enfim parei de lutar por ele. É como se ele quisesse fazer surpresa quando eu não estava mais precisando ou querendo. Não basta querer.
Uma vida e muitas desilusões. Uma vida e muitas angústias. Uma vida e muitas falsidades. Uma vida e muitas experiências. Coração estava calejado. O tempo se tornava meu melhor amigo. O amadurecimento floria em mim. Já não buscava mais pelo que fugia de mim. Andei com o vento e não mais contra ele. Olhei pro horizonte e enxerguei minhas muitas possibilidades. Sonhei com meu futuro promissor. Planejei tudo de bom que eu desejava para mim e mais ninguém. Busquei caminhar sozinha. O amor tem apreços por quem aprende fazer das tristezas, aprendizados. Ele me encontrou. Sem pedir. Ele me mostrou que existe. Ele provou que é o melhor. Ele fez de mim uma amante incapaz de transmitir ao mundo sobre seus poderes. Seu brilho está contido nos olhos de quem me olha. Meu correspondente fez pacto com um anjo cupido. Sou grata por isso. O amor. O cupido. O correspondente do meu sentimento. Fizeram de mim um coração preenchido. Deram ao meu sorriso alegria constante. Deram a minha alma paz incondicional. Deram ao meu coração mais trabalho. Tiraram dos meus pulmões o ar. Como é bom amar!

4 comentários:

Robbie Jacks disse...

Nossa, que texto lindo! Mas vc não odeia quando as pessoas dizem que "quando vc menos esperar, o amor vai chegar"? Argh, o pior é que é verdade!rs

Beijo!

Isadora Ijano disse...

Lendo isso, eu sinto uma invejinha positiva de quem ama assim, eu ainda busco meu primeiro amor d everdade ... ai ai !!
adoreei =D

beeeeijos.

Camila :) disse...

lindoo esse texto,
e amaar é boom e muitoooo .

bejoo

Oscar Alho disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.