terça-feira, 2 de setembro de 2008

Quando tudo parou pra você e eu

Sensação de tambores tocando a minha volta e meu coração acelerando nesse ritmo. O ar começando a ficar abafado e eu querendo respirar algo mais puro. O calor aumentando a minha volta e tudo que eu queria era um ventilar mais fresco. Sensações como estas me envolviam de todos os lados, a cada segundo a mais que eu ficava a esperar por um beijo seu. Olhar nos seus olhos e ficar imaginando o que estaria passando pela sua cabeça enquanto me observava? Será q eu estava dando sinais de nervosismo? Vc iria então enfim desistir de se aproximar mais, por medo da minha reação ser inversa ao que vc estaria esperando? Conversar, enquanto esperava por algo mais, estava sendo uma tortura. Seu corpo começava a curvar pra mais perto de mim, seus olhos se encontrando com os meus, suas mãos se aproximando do meu rosto, aquele toque do seu nariz ao meu, foi um êxtase pro meu coração saltar mais alto até dar um nó na garganta. Foi então que lentamente seus lábios tocaram os meus e aquela magia começou. Era como se meus pés tivessem largado do chão, tudo a minha volta havia perdido a vida e ficado em silêncio. O vento parou de soprar, os pássaros pararam de assobiar, as árvores pararam de balançar seus galhos. Tudo a nossa volta parecia estar atento aquele momento que me levava as nuvens e pedia pra ser eternizado. Um encontro de duas almas que precisavam unir seus corações. Um beijo foi o bastante e tudo se perdeu, só existia, você e eu!

Um comentário:

Camila Colossi disse...

caracaas eeu ameeei *--*
sem noção véi :)